Quanto custa uma cirurgia plástica?

Blog

6 de maio de 2016

Quanto custa uma cirurgia plástica? |, , , , , ,

Para muitas pessoas, esta pergunta é determinante na escolha do cirurgião. É evidente que toda cirurgia envolve um custo, e é normal que a disponibilidade financeira do paciente acabe interferindo na sua decisão final.

No entanto, ao escolher o seu cirurgião, esta questão deve ser analisada com muito critério e cautela pelo paciente. Ao comparar valores de cirurgia entre diferentes médicos, o paciente acaba por nivelar todas as cirurgias em um único patamar, como se estivesse comparando o mesmo “produto”. Mas a cirurgia plástica definitivamente não é um “produto”, que possa ser comparado.  Existem inúmeros pontos que interferem no valor final de cirurgia, como veremos a seguir.

O Hospital:  Nenhum lugar lhe oferecerá mais segurança e estrutura do que um Hospital de grande porte. Um hospital de grande porte possui um centro cirúrgico totalmente equipado para os mais variados tipos de cirurgia, funcionando 24 horas por dia, com equipes multidisciplinares de emergência em plantão para atender qualquer intercorrência que o paciente possa ter. Os grandes Hospitais são verificados frequentemente pelos Órgão de Vigilância quanto a sua qualidade, mas o mesmo nem sempre ocorre com igual severidade em clínicas menores. É evidente que o custo de operar em uma clínica ou “day hospital” é muito mais baixo, mas o que acontecerá se você precisar de atendimento de emergência? Colocando de outro modo, se você realmente precisasse de um hospital, por motivo de saúde, para onde você gostaria de ser levado? Para uma clínica ? Ou para um serviço de emergência de um grande hospital?  Esta é a maneira que todos os pacientes deveriam pensar ao escolher o hospital para a sua cirurgia plástica . Escolher pela segurança  que ele oferece, e não pelo seu custo. E não basta apenas tamanho. É importante que você se informe se é  realmente um bom hospital. O índice de complicação em cirurgia plástica costuma ser baixo, mas o paciente não precisa pensar nisso. Quem deve pensar neste assunto para você é o seu cirurgião, e quando ele lhe indicar um hospital de qualidade, ele estará pensando somente em sua saúde, que como todos sabem, não tem preço.

A Equipe Cirúrgica: Uma equipe cirúrgica entrosada é de fundamental importância para a realização de uma boa cirurgia, pois confere maior conforto ao cirurgião para que ele possa dedicar-se plenamente do início da operação até os refinamentos finais, e isso traduz-se na qualidade dos resultados que ele poderá lhe oferecer.  Existem muitos médicos que optam por operar sozinhos, embora esta decisão não devesse ser tomada baseando-se somente nos custos agregados. De todo modo, a maioria dos hospitais exige um mínimo de dois cirurgiões presentes em sala no momento de uma cirurgia.

O Médico Anestesista: Sua função é tão somente a de cuidar inteiramente da sua saúde, para que transpasse o ato operatório com toda a tranquilidade e segurança. O anestesista acompanha sua cirurgia desde o momento de sua internação até o momento da alta hospitalar, tornando-se imprescindível para a realização de uma cirurgia segura e sem sobressaltos.

Materiais: O material cirúrgico é determinante na qualidade da sua cirurgia. Todo material utilizado deveria ser escolhido pela sua qualidade, e nunca pelo seu custo. Recentemente vimos os casos envolvendo as próteses de silicone da marca PIP e Rofil, fabricados na França e Holanda, que foram retirados do mercado após a descoberta de terem fraudado o sistema de vigilância, utilizando silicone industrial, muito mais barato, no lugar do silicone de uso médico. Estas próteses apresentam uma elevada taxa de ruptura, o que pode trazer complicações para o corpo humano.

Estes implantes foram largamente utilizados no Brasil, principalmente por conta do seu baixo custo, pois eram vendidos por um valor em torno de 40% menor em relação à marca líder. No entanto, uma vez descoberto o esquema, a fábrica foi fechada e as vendas suspensas, deixando milhares de brasileiras “órfãs” e apreensivas com a sua saúde.

Não existe mágica. Um material muito mais barato dificilmente será o melhor do mercado .

O Cirurgião:  Cada cirurgião tem uma formação específica, uma área de dedicação e uma filosofia de trabalho. Alguns cirurgiões têm vocação para o serviço público, outros preferem a vida universitária, e outros o trabalho particular. Alguns preferem operar muitos pacientes ao dia por um custo mais baixo. Outros preferem dedicar-se, inteiramente, a um paciente de cada vez, por um custo maior.  A sua escolha final deverá basear-se no tipo de atendimento que você espera para si mesma.  Não existe uma “tabela” de valores em cirurgia plástica, cada médico determina um valor para o seu trabalho baseando-se no seu próprio julgamento quanto a qualidade do seu serviço, o seu grau de dedicação na profissão e no seu comprometimento com cada paciente.

Orçamento Cirurgia Plástica Preço :

1)     Honorários do Cirurgião

2)     Honorários da Equipe médica (Primeiro e segundo auxiliares + instrumentadora)

3)     Honorários do médico Anestesista

4)     Hospital ou clínica

5)     Materiais (Prótese de silicone, etc.).

 

índice

 

Fonte: lucianoloss

Comentários

Nenhum comentário realizado.

Dúvidas de Lipo © Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por MelhorWeb Tecnologia

Tire suas dúvidas sobre lipoaspiração!